16/03/2017 10h32 - Atualizado em 16/03/2017 10h42

Vivendo em Rio do Oeste, “homem mais velho de Taió” completou 110 anos

Seu Jordelino Cardoso mora no Lar Recanto Luiz Bertoli

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Delta Ativa

No dia 14 de março o senhor Jordelino Cardoso completou 110 anos no Lar Recanto Luiz Bertoli, em Rio do Oeste.

 

Homem de muitas histórias e que cresceu e viveu grande parte desse tempo em Taió, seu Jordelino agora descansa ao lado de outras pessoas muito vividas, num lugar que leva o nome de alguém que ele conheceu bem. Luiz Bertoli.

 

O Coral da Pamplona, conhecendo um pouco de sua história, resolveu comemorar esta data especial, e esteve presente no Lar para presenteá-lo com apresentações musicais, presentes e ainda com direito a bolo de aniversário.

 

Em 2015 a Rádio Educadora produziu uma reportagem onde ele mesmo conta sua história. Confira abaixo:

 

 

 

Histórico do Coral

 

O coral teve a iniciativa de alguns colaboradores aos quais se apresentavam apenas na empresa em festividades de final de ano e celebrações religiosas.

 

Vendo o interesse dos colaboradores pelo aprendizado musical, em abril de 2015 através da ARCEP (Associação Recreativa Cultural e Esportiva Pamplona) foi contratado um maestro para ministrar ensaios semanais nas dependências da empresa. A partir daí as apresentações deixaram de ser apenas na empresa e foram voltadas também para ações sociais externas, com apresentações em entidades filantrópicas e beneficentes, como hospitais, asilos; e celebrações religiosas. Atualmente o coral é formado por 26 integrantes. O objetivo é a integração dos colaboradores, e levar alegria as pessoas através da música.

 

Coral

 

 

Colaboração: Bierget Hedler

PUBLICIDADE