10/06/2021 09h08 - Atualizado em 10/06/2021 09h09

Computadores da Prefeitura de Santa Terezinha são apreendidos pela justiça

Busca foi autorizada após a abertura de um inquérito policial para a investigação por suspeita de crime de supressão, extravio e destruição de documento público

PUBLICIDADE
Assistência Familiar Alto Vale
PUBLICIDADE
Delta Ativa

Na tarde da última terça-feira (08), a Polícia Civil realizou a busca e apreensão de quatro computadores (CPUs) e um notebook do Poder Executivo Municipal de Santa Terezinha para a realização de perícia.

 

A busca foi autorizada após a abertura de um inquérito policial para a investigação por suspeita de crime de supressão, extravio e destruição de documento público. Sendo que, no início do mês de janeiro de 2021, quando a equipe da nova gestão municipal assumiu o governo, a mesma verificou que vários arquivos importantes de alguns computadores haviam sumido, dentre eles, o computador da Procuradoria Jurídica e da Secretaria da Administração estavam completamente zerados, sem nenhum arquivo.

 

No setor de compras, dois computadores encontravam-se sem vários arquivos importantes e também alguns computadores da Secretaria da Saúde na mesma situação. Foi então registrado boletim de ocorrência e instaurado inquérito policial para apurar a possível prática do crime de destruição de documento público.

 

Se restar comprovada a materialidade do crime, o responsável (ou responsáveis) responderá pelo crime tipificado no artigo 305 do Código Penal Brasileiro, onde dispõem o seguinte: Art 305 – Destruir, suprimir ou ocultar, em benefício próprio ou de outrem, ou em prejuízo alheio, documento público ou particular verdadeiro, de que não podia dispor: Pena – reclusão, de dois a seis anos, e multa, se o documento é público, e reclusão, de um a cinco anos, e multa, se o documento é particular.


FONTE: JORNAL A TRIBUNA DO VALE

SIGA AS REDES SOCIAIS DA RÁDIO EDUCADORA: INSTAGRAMFACEBOOKYOUTUBE E SOUNDCLOUD.
PUBLICIDADE