03/05/2021 09h04 - Atualizado em 03/05/2021 10h34

Túmulo é depredado e ladrão furta crânio de atleta em cemitério de José Boiteux

Crime foi descoberto na manhã de domingo (02) por pessoas que visitavam o local

PUBLICIDADE
Assistência Familiar Alto Vale
Túmulo foi destruído (Foto: PM / Divulgação)

Túmulo foi destruído (Foto: PM / Divulgação)

PUBLICIDADE
Delta Ativa

Uma ocorrência inusitada movimentou  José Boiteux neste domingo (02): um túmulo do cemitério no Centro da cidade foi depredado, aberto e o crânio da pessoa enterrada foi furtado. A Polícia Civil deve investigar o caso.

 

Conforme o comandante da Polícia Militar do município, Rogério Meneguelli, pessoas que visitavam o cemitério da igreja católica São Roque, na manhã deste domingo, repararam no túmulo quebrado e acionaram a PM por volta das 9h. Ao chegar no local, o policial encontrou a tumba totalmente destruída.

 

Nela estava o corpo de Júlio Cesar Lunelli, 51. O atleta morreu devido a um câncer em julho do ano passado. Conhecido como Inho, ele foi servidor público municipal durante quatro anos.

 

Além do crânio ser retirado, praticamente toda a estrutura foi danificada. A foto de Júlio na lápide foi arrancada e levada embora. Familiares souberam do ocorrido e viram toda a situação do túmulo, que foi o único alvo do ou dos vândalos no cemitério.

 

Foto foi arrancada

Foto foi arrancada (Foto: PM / Divulgação)

A PM fez um boletim de ocorrência, mas a motivação e responsáveis pelo ataque ainda não foram descobertos. A Polícia Civil deve ir ao local na tarde desta segunda-feira para iniciar as investigações.


POR: BIANCA BERTOLI – JORNAL DE SANTA CATARINA / NSC TOTAL

SIGA AS REDES SOCIAIS DA RÁDIO EDUCADORA: INSTAGRAMFACEBOOKYOUTUBE E SOUNDCLOUD.

RECEBA NOTÍCIAS DO ALTO VALE DIRETAMENTE NO SEU CELULAR CLICANDO AQUI.
PUBLICIDADE