05/08/2020 10h50

Por conta de danos estruturais, DNIT recomenda não parar na ponte entre Ibirama e Apiúna

Desde o ano de 2016, laudos técnicos indicam uma série de problemas na estrutura da ponte

PUBLICIDADE
Fonte: Vale do Itajaí Notícias

Fonte: Vale do Itajaí Notícias

PUBLICIDADE
Delta Ativa

A ponte sobre o Rio Itajaí Açu II na cidade de Apiúna foi classificada durante inspeções na estrutura, com nota 2, numa escala de 1 a 5. Essa nota 2 significa estado sofrível, ou seja, que a ponte tem deficiências, mas não possui risco iminente de colapso, porém o chefe da Unidade local do DNIT, Cristhiano Zulianello confirmou a recomendação para que os motoristas não parem na pista de rolamento sobre a ponte.

 

Segundo o Departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes (DNIT), existem uma placa de sinalização de obras próxima à ponte sobre o Rio Itajaí Açu II, solicitando aos motoristas que não parem sobre a ponte. O motivo é bem óbvio, evitar de sobrecarregar a ponte.

 

Zulianello informou em nota que como as obras de reabilitação estão em processo de licitação, “Não queremos danificar a estrutura da ponte, não queremos que ela passe de nota 2 para nota 1”.

 

A Ponte Rio Itajaí Açu II em Apiúna na divisa com Ibirama na BR-470, é única ligação direta entre Alto Vale e Vale do Itajaí , e principal meio de translado de produtos, insumos e grãos vindos do Oeste Catarinense e Rio Grande do Sul.

 

Desde o ano de 2016, laudos técnicos indicam uma série de problemas estruturais que vão desde a corrosão em lages e vigas de concreto, a blocos de estacas da fundação desgastados pela ação da correnteza do Rio Itajaí Açu, entre outros apontamentos.

 

Participe de um dos nossos grupos no WhatsApp e receba diariamente as principais notícias do Portal da Educadora. É só clicar AQUI.

PUBLICIDADE