08/01/2021 10h34 - Atualizado em 08/01/2021 13h59

Morte de ex-prefeito de Imbuia completa um ano nesta sexta-feira (08)

João Schwambach será lembrado em uma cerimônia restrita somente a familiares e convidados, por causa da pandemia

PUBLICIDADE
Foto: Agência AL

Foto: Agência AL

PUBLICIDADE
Delta Ativa

A morte de João Schwambach, ex-prefeito de Imbuia completa um ano hoje (08). O homem simples, honesto, íntegro será lembrado em uma cerimônia restrita somente a familiares e convidados, por causa da pandemia. A celebração, nesta sexta-feira, às 19h, será no sítio do prefeito Deny Scheidt e terá momentos de oração, homenagens e uma mensagem de conforto a esposa, filhos, genros, noras e netos.

 

“João foi um grande líder político. Nossa cidade ficou em luto. Perdemos um bom homem, uma pessoa da comunidade, um pai de família, que encantava a todos. Será sempre lembrado por todos nós”, comentou o atual prefeito Deny Scheidt.

 

A celebração aberta a comunidade vai acontecer no domingo, dia 10, às 09h, na Igreja Evangélica de Samambaia

 

Relembre o caso

 

Comunidade se reuniu em frente à prefeitura de Imbuia após morte de prefeito (Foto: Soldado Gaspar/Divulgação)

Comunidade se reuniu em frente à prefeitura de Imbuia após morte de prefeito (Foto: Soldado Gaspar/Divulgação)

O prefeito João Schwambach (MDB), de 59 anos, foi assassinado com dois tiros no peito, no final do expediente, ao lado do prédio da administração municipal em 08 de janeiro do ano passado.

 

A Polícia Militar (PM) informou que populares ouviram uma discussão por volta das 18h, nas proximidades da prefeitura, seguida de dois estampidos de tiro. Ao se aproximarem do local, testemunhas encontraram o prefeito caído e sem sinais vitais.

 

Conforme o então Secretário de Administração de Imbuia, Neri Fermino, o fato aconteceu enquanto o prefeito caminhava para o estacionamento ao lado da prefeitura. Em seguida, as câmeras mostram que o homem foi chamado e, ao virar, foi atingido por dois tiros.

 

Após os tiros, o prefeito ainda tentou correr para dentro da prefeitura. No entanto, ele caiu logo em seguida.

 

Segundo o Corpo de Bombeiros Militar, o suspeito pelo crime, um homem de 77 anos retornou para casa e tentou se matar com um tiro na cabeça. No entanto, ele foi socorrido e levado para o hospital Bom Jesus, em Ituporanga. Por volta das 21h20, o homem foi transferido para o Hospital Regional Alto Vale, em Rio do Sul em estado grave. Ele acabou morrendo uma semana depois.

 

A motivação do crime seria o alargamento de uma estrada e a retirada de árvores dentro do terreno do suspeito de cometer o assassinato.


FONTE: PREFEITURA DE IMBUIA / JORNAL DE SANTA CATARINA – NSC / ND+

Participe de um dos nossos grupos no WhatsApp e receba diariamente as principais notícias do Portal da Educadora. É só clicar aqui.

PUBLICIDADE