13/01/2021 08h57

Jovem morre afogado em Presidente Getúlio

Além do rapaz que veio à óbito, uma moça também se afogou mas foi resgatada por populares

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Delta Ativa

Por volta das 16h35, nesta terça-feira (12), o Corpo de Bombeiros Voluntários de Presidente Getúlio foi acionado para atendimento de afogamento de duas pessoas na localidade de Salto Grahl, em Presidente Getúlio. Duas guarnições foram empenhadas de pronto com equipes de resgate e pré-hospitalar.

 

No local foi constatado que uma moça de 18 anos estava fora da água, mas com sinais de afogamento. Segundo informações de populares, que também estavam no local, a mesma, juntamente com um rapaz de 16 anos, estavam com a família quando foram tomar banho no salto, vindo os dois a se afogarem. Populares ajudaram a retirar a feminina que estava se debatendo na água.

 

Após atendimento da feminina a mesma foi conduzida ao Hospital Maria Auxiliadora para atendimento médico.

 

O menor I.C.B. de 16 anos acabou se afogando não sendo mais localizado. As equipes de resgate iniciaram os procedimentos iniciais até a chegada de mergulhadores dos Bombeiros Voluntários de Ibirama. Após vários procedimentos, o corpo foi localizado.

 

O IGP foi acionado posteriormente para tomar as medidas cabíveis.

 

138769586_1805642182917983_4130783968927451234_o

 

Orientações do Corpo de Bombeiros Voluntários

 

Durante os dias de muito calor, é comum na região o acesso às cachoeiras, saltos e rios para as pessoas se refrescarem e ter momentos de diversão, mas estes momentos se as pessoas não tomarem alguns cuidados, poderá ter um fim trágico.

 

– Tome cuidado ao saltar das cachoeiras e saltos, pois a pessoa poderá atingir alguma pedra ou troncos de árvores ou até mesmo banco de areia;

 

– Evite mergulhar em locais de pouca visibilidade na água, que são muito profundos ou que tenham correnteza;

 

– Tome cuidado com pedras escorregadias e que tenham limo;

 

– Fique atento à previsão do tempo e principalmente sinais de chuva na região, pois poderá ocorrer as chamadas cabeças d´agua, não dando tempo de ação das pessoas.

 

Os bombeiros também pedem atenção pois com as chuvas e principalmente com a enxurrada ocorrida em dezembro, muitas pedras, árvores e entulhos, ficaram nas profundezas da água. Outra atenção é para os bancos de areia, sendo que o local mesmo conhecido pelas pessoas sofre com a correnteza e força das águas, vindo o local sofrer mudanças.

 

138855752_1805642382917963_6419044876879851693_o


POR: ALEX DE LIMA – BOMBEIROS VOLUNTÁRIOS DE PRESIDENTE GETÚLIO

Participe de um dos nossos grupos no WhatsApp e receba diariamente as principais notícias do Portal da Educadora. É só clicar aqui.

PUBLICIDADE