25/06/2020 16h14 - Atualizado em 25/06/2020 16h17

Entrevista: Secretária de Saúde de Taió e Técnica de Enfermagem falam sobre os casos de Coronavírus no município

Rosecler e Virgínia esclarecem alguns assuntos e reforçam "O povo de Taió precisa continuar se cuidando"

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Delta Ativa

A Secretária de Saúde do Município de Taió, Rosecler Poleza Círico, esteve nos estúdios da Rádio Educadora no início da tarde desta quinta-feira (25/06) onde concedeu entrevista à emissora juntamente com Virgínia Blank do Prado, responsável pelo setor de Vigilância Epidemiológica de Taió.

 

No boletim divulgado ontem (24/06) alguns números preocupantes foram divulgados, como o rápido aumento de pessoas infectadas pelo Covid-19 em nosso município, totalizando 49 casos confirmados. Segundo Virgínia essa crescente de casos tem explicação. “Antes as pessoas estavam em isolamento, algumas não estavam trabalhando, o próprio transporte não estava liberado… e agora estamos tendo uma circulação maior de pessoas com a volta destas atividades. Não há uma fator específico, mas é tudo isso junto que nos fez chegar à esses 49 casos positivos… A população não está mais tão receosa como antes! Há aglomerações, há pessoas visitando parentes… Os devidos cuidados continuam sendo necessários”, comenta.

 

Virgínia comenta ainda que entre os infectados na cidade, a maioria são um público bastante jovem entre 25 e 45 anos. “Todos os bairros de Taió possuem casos positivos, inclusive algumas comunidades do interior também“, diz ela.

 

Rosecler frisa que todos estes casos estão sendo monitorados e que a população de Taió deve continuar seguindo todas as recomendações que têm sido divulgadas nos últimos dias pelos órgãos de saúde. “Não acreditem em boatos“, frisa a Secretária.

 

Durante a entrevista, Rosecler e Virgínia responderam a várias dúvidas refentes à assuntos ligados ao Coronavírus, tais como se o Município realmente recebe algum valor financeiro para cada caso confirmado de Covid-19, sobre quando deve ocorrer o “pico” da pandemia no estado, sobre a atual situação das pessoas infectadas no município, sobre quem deve fazer o exame, e muitos outros temas importantíssimos ligados à doença.

 

Confira os detalhes da entrevista abaixo:

 

 

Participe de um dos nossos grupos no WhatsApp e receba diariamente as principais notícias do Portal da Educadora. É só clicar AQUI.

 

 

PUBLICIDADE