21/09/2020 14h44 - Atualizado em 21/09/2020 15h23

Duas chapas disputarão as eleições deste ano em Mirim Doce

MDB disputará o cargo de prefeito contra o PSD

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Delta Ativa

Dificilmente, a população de 2.283 pessoas (segundo o IBGE) não conhece os candidatos a prefeito da jovem cidade de Mirim Doce. O município que completa 29 anos nesse mês, terá um pleito com caras e pessoas bem conhecidas da população.

 

Sergio Luis Paisan, o Serginho, após mandatos como vereador, vice-prefeito e atual prefeito do município, decidiu dar um tempo na política. Ele apoiará a chapa encabeçada por Maria Luiza Kestring Liebsch, sendo composta por Antônio Carlos Kestring, o Toninho. Maria já foi prefeita de Mirim Doce em 2008 e 2012. Em 2016, ela ficou fora do pleito, apoiando a chapa vencedora. Já Toninho é o atual vice-prefeito e busca a reeleição ao cargo. O MDB terá chapa pura, buscando o quarto mandato consecutivo.

 

Maria Luiza Kestring Liebsch e Carlos Kestring "Toninho" (MDB), acompanhados do deputado Jerry Comper (MDB)

Maria Luiza Kestring Liebsch e Carlos Kestring “Toninho” (MDB), acompanhados do deputado Jerry Comper (MDB)

 

Do outro lado, Bernardo Peron, o “Tio Bê”, mais uma vez encabeçará a chapa. Filiado ao PSD, Peron já concorreu ao cargo de prefeito em outras oportunidades. Tio Bê também já foi vereador. Ele terá ao seu lado Jian Paulo Cardoso. O funcionário público é filiado ao PSL e fará sua estreia nas urnas. Em 2008, Bernardo enfrentou Maria e saiu derrotado com a diferença de cerca de 200 votos. Em 2016, 72 votos de diferença para Serginho foram suficientes para lhe tirar a vitória do pleito. A chapa deverá contar com mais partidos apoiando.

 

Bernardo Peron (PSD) e Jian Paulo Cardoso (PSL)

Bernardo Peron (PSD) e Jian Paulo Cardoso (PSL)

 

FONTE: JORNAL A TRIBUNA DO VALE – WWW.JATV.COM.BR

 

Participe de um dos nossos grupos no WhatsApp e receba diariamente as principais notícias do Portal da Educadora. É só clicar aqui.

PUBLICIDADE