11/05/2020 17h38

Campanha de vacinação contra a gripe amplia público-alvo em Rio do Sul

Agora crianças, gestantes, puérperas e pessoas com deficiência também podem ser imunizados contra a gripe

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Delta Ativa

A terceira etapa da campanha nacional de vacinação contra a gripe Influenza (H1N1) foi ampliada e agora, crianças com idade entre seis meses e menos de seis anos, gestantes, mulheres que tiveram bebê nos últimos 45 dias (puérperas) e pessoas com deficiência também precisam ser imunizadas. A partir do dia 18 de maio, terão direito a imunização as pessoas com idade entre 55 e 59 anos e os professores da rede pública e privada.

 

Com isso, o público-alvo da campanha aumentou para 22.249 pessoas em Rio do Sul, de acordo com estimativas do IBGE. Desde o início da imunização em março, 11.822 habitantes de da cidade já foram vacinados, o que corresponde a 53,13% do total. E quem faz parte dos outros grupos como idosos, doentes crônicos, caminhoneiros, motoristas de transporte coletivo, cobradores, funcionários da saúde e da segurança pública, entre outros, também devem procurar a unidade de saúde mas próxima de onde mora.

 

Rio do Sul tem 11 locais de vacinação, tanto em algumas unidades de saúde como na Policlínica. É importante ter junto a carteira para registro e é indispensável o uso de máscara para entrar nos ambientes da saúde.

 

Locais com sala de vacina em Rio do Sul

 

Atendimento de segunda a sexta-feira das 7h30 às 11h30 e das 13h às 17h

 

Unidade Básica de Saúde dos bairros:

 

Barra do Trombudo

Barragem

Bela Aliança

Bremer

Budag

Canta Galo

Fundo Canoas

Santana

Santa Rita

Taboão

Centro – Policlínica (Atendimento das 7h30 às 16h30, sem fechar para o almoço)

 

Público-alvo da 3ª fase

 

– Crianças de seis meses até menores de seis anos de idade

– Gestantes

– Puérperas até 45 dias

– Pessoas com deficiência

 

A partir do dia 18 de maio

 

– Adultos de 55 a 59 anos de idade

– Professores de escolas públicas e privadas

 

Público alvo de outras etapas e que ainda podem se vacinar

 

– Pessoas com 60 anos ou mais

– Funcionários da área da saúde

– Funcionários da área de segurança pública

– Doentes Crônicos

– Indígenas

– Caminhoneiros

– Motoristas e cobradores de transportes coletivo

PUBLICIDADE