19/05/2020 09h59

Jon Jones responde crítica sobre últimas lutas no UFC e provoca atleta brasileiro: “Quando ele estará pronto?”

Lutador americano interagiu com os fãs nas redes sociais nesta terça-feira, 12

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Delta Ativa

O UFC possui um dos principais astros do esporte nas mãos. Jon Jones é considerado por muitos com um dos melhores lutadores da organização ao longo da história. Com diversas conquistas e vitórias implacáveis, o americano viu um fã questionar suas últimas lutas nas redes sociais.

 

Em seu Twitter, Jon Jones decidiu responder a afirmação de que o lutador não estaria entregando espetáculos em suas lutas e que não finalizava mais ninguém. Com educação, o atleta deu sua versão para responder à crítica do seguidor.

 

“Minhas últimas três lutas podem não ter sido finalizações, mas foram empolgantes. Nunca fiquei parado no octógono com medo de fazer alguma coisa. Acho que as pessoas esquecem que Anthony, Dominic e Thiago estavam em sequências incríveis antes de lutar comigo. Eram os caras mais temidos na época, mas eu fui um pouquinho melhor”, respondeu Jon Jones.

 

“É minha culpa, durante a última década eu mimei os fãs de luta. Dominei Anthony por 25 minutos e isso não foi o suficiente. Fui lá e cá com Thiago e Dominick por 25 minutos e não foi o suficiente. Agora vitória não é o suficiente, se não finalizo não posso ser o melhor”, acrescentou.

 

Além da resposta ao fã, o lutador seguiu interagindo na rede social e sobrou até para um brasileiro. Quando questionado sobre uma revanche com Thiago Marreta – os atletas se enfrentaram no ano passado com vitória do americano – Jon Jones provocou o rival.

 

“E quando ele estará pronto?”, ironizou.

 

Para completar a interação com os fãs, Jon Jones ainda sugeriu um evento especial para o UFC. Segundo ele, uma luta com peso casado poderia ser uma boa solução para suas próximas disputas no octógono da organização.

 

“Eu amaria ter uma luta de exibição no peso casado de 99kg antes de subir para o peso pesado. Quem quer essa derrota no currículo?”, convidou o americano

 

Fonte: Sportbuzz

PUBLICIDADE