10/05/2021 20h56 - Atualizado em 11/05/2021 07h47

Figueirense ressurge das cinzas, bate a Chapecoense e encaminha vaga às semifinais

Figueirense aplicou 3 a 1 na favorita Chapecoense e vai com grande vantagem para a partida de volta

PUBLICIDADE
Assistência Familiar Alto Vale
(Foto: Cristiano Andujar/Andujar Press/Divulgação/ND)

(Foto: Cristiano Andujar/Andujar Press/Divulgação/ND)

PUBLICIDADE
Delta Ativa

O Figueirense não tomou conhecimento da Chapecoense – e tampouco da circunstâncias que levaram a esse encontro – e aplicou 3 a 1 na Chapecoense, na tarde deste domingo (9), em Florianópolis (SC).

 

 

Com o resultado o time de Jorginho leva uma importante vantagem até Chapecó, para o duelo da volta das quartas de final, marcada para quarta-feira. Isso, é claro, se o tribunal não interferir na sequência da competição.

 

História do jogo

 

Se um alienígena chegasse em Florianópolis, nesta tarde de domingo, diante de um jogo entre Figueirense e Chapecoense, no estádio Orlando Scarpelli, apenas concluiria sobre mais um duelo envolvendo as equipes que, não vai muito longe, decidiram o estadual de 2018.

 

O problema é que se fosse preciso explicar a esse extraterrestre, sobre como as equipes chegaram lá, bom, aí seria uma missão bastante complicada.

 

Isso porque essa disputa de quartas de final, se de um lado caiu do céu, do outro foi encara da contragosto.

 

Até os últimos instantes a Chapecoense reunia a esperança de que o jogo não fosse realizado. Neste sábado, inclusive, o STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) indeferiu um pedido do Verdão para que o duelo fosse anulado.

 

Na última semana o TJD-SC (Tribunal de Justiça Desportiva de Santa Catarina) condenou o Hercílio Luz, no caso envolvendo a escalação irregular do zagueiro Alisson, em partida válida pela 6ª rodada do estadual.

 

No entendimento do tribunal o clube de Tubarão não deveria ter levado o atleta ao campo de jogo, já que na final da segunda divisão Catarinense, em dezembro de 2020, o atleta foi expulso.

 

O jogo

 

Com bola rolando uma grande incógnita: enquanto um clube entrou em campo sem querer entrar – a Chapecoense já havia classificado às semifinais depois de eliminar o Hercílio Luz, clube que restou punido na última semana – o outro não tinha nada a ver com isso.

 

Meio que de surpresa o Furacão, então eliminado no estadual e na Copa do Brasil, precisou se “reapresentar” a fim de disputar a etapa quartas de final. O clube, em claro sinal de “pré-temporada”, fez uma limpa com cinco jogadores dispensados após o término da primeira fase.

 

O fato é que o Figueirense, com sangue nos olhos, não tomou conhecimento e foi para cima da Chapecoense. E, ao que parece, deu certo.

 

Eram 28 minutos jogados e o Furacão já contabilizara 3 a 0 sobre a única representante de SC na primeira divisão do futebol nacional. Com uma marcação encaixada e adiantada, o time de Jorginho aliou toda sua concentração a efetividade no campo de ataque.

 

Contou, ainda, com uma partida inspirada do capitão e lateral-direito Éverton Santos. O camisa 19 que é – ou era – atacante de origem participou dos três gols do Furacão sendo dois deles com assistências.

 

Segundo tempo

 

O intervalo fez bem para a Chape que deixou aquela face irreconhecível para trás. O time de Mozart Santos até não conseguiu recuperar o placar que acabou sendo elástico, mas teve mais ímpeto nos 45 minutos finais que lhe foi retribuído com um gol: Anselmo Ramon, aos 18, recebeu passe da esquerda e mandou para o gol.

 

Mas foi só. O time do Oeste de SC até tentou, mas não conseguiu descontar o placar frente ao aplicado time de Jorginho.

 

Para a próxima partida a Chapecoense precisa vencer por dois gols de diferença para ir a semifinal.

 

Isso, é claro, se a questão jurídica não influenciar na sequência do campeonato que promete ser de muita incerteza e duelos nos tribunais.

 

O reencontro

 

Em condições normais, fora dos tribunais, Chapecoense e Figueirense se reencontram na próxima quarta-feira (12), na Arena Condá.


POR: DIOGO DE SOUZA – ND+

SIGA AS REDES SOCIAIS DA RÁDIO EDUCADORA: INSTAGRAMFACEBOOKYOUTUBE E SOUNDCLOUD.

RECEBA NOTÍCIAS DO ALTO VALE DIRETAMENTE NO SEU CELULAR CLICANDO AQUI.
PUBLICIDADE