01/03/2021 10h12

Com JEC x Marcílio Dias adiado por casos de Covid-19, Marinheiro pede ressarcimento de gastos

Já concentrado para a partida, clube de Itajaí quer compensação das despesas

PUBLICIDADE
Assistência Familiar Alto Vale
Arena Joinville receberia a partida entre JEC e Marcílio Dias neste domingo (Foto: Yan Pedro/JEC)

Arena Joinville receberia a partida entre JEC e Marcílio Dias neste domingo (Foto: Yan Pedro/JEC)

PUBLICIDADE
Delta Ativa

Após o adiamento da partida entre Joinville e Marcílio Dias por conta de um surto de Covid-19 no JEC, o Marinheiro comunicou que irá buscar ressarcimento das despesas do clube em função da partida, que aconteceria neste domingo, às 19h, pela segunda rodada do Campeonato Catarinense.

 

Como a Federação Catarinense de Futebol (FCF) só comunicou o adiamento da partida neste domingo, o Marcílio Dias já estava concentrado para o jogo desde o sábado (27) a noite. Em comunicado, o Marinheiro manifestou que “o departamento jurídico do clube irá buscar as possibilidades existentes para que seja ressarcido dos custos”, uma vez que já havia viajado a Joinville após os exames do adversário. De acordo com o artigo 29 do regulamento, os exames precisam ser realizados no máximo 48h antes das partidas.

 

Do lado do Joinville, o clube havia comunicado os casos de coronavírus entre atletas e comissão no sábado, quando pediu o adiamento da partida junto à FCF, e realizou mais testes neste domingo, que confirmaram novos casos entre os funcionários. Ao total, são 30 positivados, sendo 22 jogadores. Apenas cinco atletas estão à disposição: Caio, Fabian Volpi, Isaac, Renan Castro e Thiaguinho. Dos sete atletas com teste negativo, um está machucado, enquanto outro foi liberado pelo clube para acompanhar o enterro do pai.

 

De acordo com a FCF, a nova data será definida após a Confederação Brasileira de Futebol (FCF) publicar a tabela da Copa do Brasil 2021.

 

Confira a nota do Marcílio Dias

 

O Clube Náutico Marcílio Dias foi comunicado pela Federação Catarinense de Futebol, por volta das 14h20 deste domingo, do adiamento da partida que seria disputada no dia de hoje, contra o Joinville, às 19h, fora de casa, pela segunda rodada do Campeonato Catarinense.

 

O motivo, segundo a FCF, é que o Clube adversário não possui atletas suficientes, conforme Artigo 25 do regulamento da competição. Isto teria sido causado por um surto de Covid-19. O JEC alega ter realizado exames nesta manhã e detectado 22 atletas contaminados.

 

A delegação do Marcílio Dias está em concentração para a partida na cidade de Joinville desde ontem no começo da noite. Ou seja, o Marinheiro terá que arcar com todas estas despesas sozinho.

 

O departamento jurídico do Clube irá buscar as possibilidades existentes para que o Marcílio Dias seja ressarcido dos custos, já que viajou para Joinville após os exames do adversário – que pelo artigo 29 do regulamento precisam ser 48h antes das partidas – indicarem que havia pelo menos 13 atletas aptos a jogar, o mínimo necessário para se ter um jogo.


FONTE: GLOBO ESPORTE SC

Participe de um dos nossos grupos no WhatsApp e receba diariamente as principais notícias do Portal da Educadora. É só clicar aqui. 

 

PUBLICIDADE