22/09/2021 10h16

Brusque arranca empate com o Sampaio Corrêa e interrompe jejum de gols com Edu

Imperador chega a 13 gols na Série B e se isola na artilharia novamente

PUBLICIDADE
Assistência Familiar Alto Vale
PUBLICIDADE

RECEBA NOTÍCIAS NO SEU WHATSAPP

CLIQUE AQUI

 

Em uma partida bastante disputada e movimentada, o Brusque arrancou um empate em 2 a 2 com o Sampaio Corrêa na noite desta terça-feira, 21, no Castelão, em São Luís, pela 25ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Luís Gustavo e Jackson marcaram na primeira etapa, e Edu encerrou o jejum de gols quadricolor no segundo tempo, marcando duas vezes. O quadricolor soma 11 jogos sem vencer, mas voltou a balançar as redes adversárias depois de seis partidas em mais de um mês.

 

A partida começou equilibrada, com as duas equipes chegando ao ataque. E foi um bom jogo de assistir. No primeiro lance do jogo, o goleiro Mota bobeou e não conseguiu segurar um lançamento longo. Cedeu escanteio, mas a zaga afastou a cobrança de Zé Mateus.

 

O quadricolor acertou a trave aos 13 minutos. Claudinho cabeceou após escanteio, houve desvio e a bola bateu no travessão antes de sair. O Sampaio Corrêa respondeu na mesma moeda aos 22. Pimentinha fez boa jogada individual pela direita, cortou para dentro e bateu forte, rasteiro. A bola explodiu a trave no canto esquerdo de Zé Carlos.

 

Placar aberto

 

Os donos da casa passaram a povoar mais os arredores da área do Brusque por volta dos 20 minutos. Aos 25, fizeram o primeiro gol. Pimentinha recebeu bola cruzada, dominou e rolou para Luís Gustavo, que vinha de trás. O lateral-direito bateu forte, rasteiro, e balançou as redes no canto esquerdo de Zé Carlos.

 

Aos 32, Edu chegou a marcar um gol em posição irregular. Após revisão, o VAR conferiu que não houve pênalti para o Brusque em lance anterior.

 

O goleiro Mota precisou trabalhar mais aos 37. Garcez teve espaço e arriscou de fora, forçando o adversário a fazer boa defesa para lateral.

 

Segundo gol

 

O Sampaio Corrêa chegava com mais perigo, com destaque para as chegadas de Pimentinha na esquerda defensiva quadricolor. Aos 45 minutos, veio o segundo gol. Jackson ganhou de Airton, e a bola saía pela linha de fundo. Ele alcançou já mandando uma bomba de trivela. Zé Carlos foi surpreendido no que foi um golaço completamente sem ângulo.

 

Mota de novo

 

O goleiro Mota havia sido fundamental para o Sampaio Corrêa no jogo do primeiro turno, fazendo grandes defesas para garantir o 0 a 0 em 22 de junho. Ele não jogava há cinco partidas, e retornou justo contra o Brusque.

 

Aos três minutos, Mota espalmou bola cruzada de Garcez. Aos sete, Edu dominou no peito o lançamento de Thiago Alagoano e fuzilou, mas o goleiro defendeu para escanteio. Aos 12, o Imperador mandou a bomba rasteira de longe, e lá estava Mota para cair bem no canto esquerdo e defender.

 

Aleluia

 

Depois de 677 minutos, o Brusque voltou a marcar um gol na Série B e interrompeu a série de seis jogos sem marcar. E a jogada é conhecida. Aos 14 minutos, Airton estava com a bola na esquerda, e fez o cruzamento. Edu cabeceou com precisão, no ângulo, e desta vez nem Mota pôde fazer algo. O camisa 9 chegou a 12 gols, empatando com Léo Gamalho, do Coritiba, na artilharia da competição.

 

Aos 20, após cobrança de falta, Garcez completou com o peito e a bola passou perto do gol.

 

Empate

 

O Sampaio Corrêa teve novo bom momento no jogo, puxado pelo ponta Pimentinha, que trazia muita dificuldade à defesa adversária com seus dribles. Mas quem mais conseguiu algo relevante com dribles foi Garcez.

 

Aos 28 minutos da segunda etapa, o camisa 30 passou por Luís Gustavo e Márcio Araújo ao mesmo tempo, e foi derrubado por Luís Gustavo dentro da área. Pênalti. Edu cobrou bem, Mota voou em seu canto esquerdo, mas a bola passou. Mais um do Imperador, que voltou à artilharia isolada da Série B, com 13 gols dos 23 do Brusque.

 

O Brusque esteve perto de virar. Jhon Cley, que substituiu Edu, arriscou de fora e Mota espalmou bem para escanteio a bola rasteira. O Sampaio Corrêa respondeu aos 38. Jean Silva recebeu bola cruzada na marca do pênalti, dominou e isolou, mandando por cima.

 

Jhon Cley perdeu chance semelhante do lado do Brusque. Ele puxou contra-ataque aos 43 e serviu Garcez, que avançou e devolveu. De primeira, o camisa 29 bateu de perna direita e a bola passou por cima.

 

Próximo jogo

 

O Brusque recebe o Vasco no seu primeiro jogo com público desde março de 2020. A partida começa às 21h30 desta sexta-feira, 24, no Augusto Bauer, pela 26ª rodada.


Sampaio Corrêa 2×2 Brusque

 

Campeonato Brasileiro – Série B
25ª rodada
Terça-feira, 21 de setembro de 2021
Castelão, São Luís (MA)

 

Sampaio Corrêa: Mota; Luís Gustavo, Joécio, Eder Lima, Mascarenhas; Eloir (Mauro Silva 16′-2ºt), Ferreira (Nadson 35′-2ºt), Léo Artur (Márcio Araújo 16′-2ºt); Roney (Jean Silva 16′-2ºt), Pimentinha; Jackson (Diego Cardoso 40′-2ºt).
Técnico: Felipe Surian

 

Brusque: Zé Carlos; Toty (João Carlos 34′-2ºt), Claudinho, Everton Alemão, Airton; Zé Mateus, Rodolfo Potiguar; Thiago Alagoano, Marlone (Bruno Alves 12′-2ºt); Maurício Garcez e Edu (Jhon Cley 35′-2ºt).
Técnico: Waguinho Dias

 

Trio de arbitragem (RJ): Alexandre Vargas Tavares de Jesus, auxiliado por Silbert Faria Sisquim e Thiago Rosa de Oliveira.

Árbitro de vídeo: Rodrigo Nunes de Sá (RJ-FIFA)

Gols: Luís Gustavo (26′-1ºt) e Jackson (44′-1ºt); Edu (14′-2ºt e 30′-2ºt)

Cartões amarelos: Eloir e Ferreira; Everton Alemão, Edu, Zé Carlos e Thiago Alagoano.


Estatísticas

 

Posse de bola: 51% x 49%
Finalizações: 14×16
Chutes a gol: 2×6
Escanteios: 8×7
Impedimentos: 1×3
Faltas: 10×16
Cartões amarelos: 2×4

 

Fonte: SofaScore


POR: JOÃO VITOR ROBERGE – O MUNICÍPIO
FOTO: LUCAS GABRIEL CARDOSO / BRUSQUE FC

SIGA AS REDES SOCIAIS DA RÁDIO EDUCADORA: INSTAGRAMFACEBOOK YOUTUBE.
PUBLICIDADE