08/01/2021 14h07

Luciano Hang vai processar dentista que urinou na estátua da Havan de Araranguá

Se vencer o processo, o empresário irá doar o dinheiro para a Apae de Lajeado (RS), cidade natal do acusado

PUBLICIDADE
Foto: Reprodução / Redes sociais

Foto: Reprodução / Redes sociais

PUBLICIDADE
Delta Ativa

No último dia 5, Luciano Hang, dono da rede de lojas Havan, publicou na sua rede social uma foto de um homem urinando no pé da estátua da Liberdade. A cena foi registrada na sua loja da cidade de Araranguá, no sul de Santa Catarina. O rapaz foi identificado como sendo o cirurgião dentista Marcus Metz, que mora em Lajeado, no Rio Grande do Sul.

 

Como forma de represália, Hang divulgou nas suas páginas da internet várias informações do dentista gaúcho, como endereço de redes sociais, nome, informações pessoais e até o número do celular.

 

Em postagem no Instagram no dia 5 de janeiro deste ano, Luciano Hang escreve o seguinte texto:

 

Esse imbecil, chamado @metzmarcus publicou em um grupo fechado no Facebook uma foto mijando em uma das nossas Estátuas da Liberdade. Não conseguimos identificar qual a cidade, mas sabemos que ele mora em Lajeado (RS) e recebemos o post pelos nossos fãs, que estavam revoltados com a atitude deplorável deste cidadão. Realmente, é um idiota! Fui dar uma olhada e vi que se trata de um dentista, formado na Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Será que é esse tipo de coisa que eles aprendem na universidade? É esse tipo de exemplo que ele gosta de dar para a sua família e para os seus pacientes? Tenho certeza que seus pais estão morrendo de vergonha em saber que o seu filho teve uma atitude como essa. Não existe justificativa para alguém depredar algo que não é seu. Não é mesmo? Me diga o que você acha desse absurdo?”.

 

Resposta do dentista

 

No dia 6, o dentista postou um vídeo dizendo que cometeu o ato por não compactuar com a forma como o grupo Havan trabalha. Também disse que não compactua com o “governo de direita fascista”, referindo-se ao governo do presidente Jair Bolsonaro.

 

Segundo seu relato no vídeo, Marcus disse ter cometido um ato infantil, uma zoação e uma brincadeira. Afirmou que estava apertado e resolveu urinar na estátua como forma de protesto.

 

O dentista falou também que, depois da postagem de Hang com a divulgação das suas informações pessoais, teve seus dois celulares hackeados. Ele obteve mais de meio milhão de acessos nas suas redes sociais, com pessoas ofendendo a ele, familiares, namorada e também os locais onde trabalha na cidade gaúcha. Marcus excluiu sua página no Facebook para evitar que pessoas próximas a ele sejam afetadas.

 

Para Metz, Hang poderia ter exigido uma reparação pelos meios legais, através da justiça. Entretanto, promoveu o “cancelamento digital”, que é instigar o ódio nas pessoas que são seguidoras das ideias do dono da Havan.

 

Hang tomou conhecimento do vídeo postado pelo dentista e acabou repostando nas suas redes sociais, num texto que intitula Metz como “Dr. Xixi”.  Na postagem, o empresário escreveu o seguinte:

 

“Conheça o Dr. Xixi. Morador de Lajeado (RS), formado Cirurgião Dentista pela Universidade Federal e que mijou em nossa Estátua de Araranguá (SC). Olha só que absurdo. Além de tudo o que fez ele se sente no direito de fazer vídeo dizendo que não deveríamos tê-lo exposto nas redes sociais. Teve a audácia de me chamar de fascista. Eu não denegri a imagem de ninguém, foi ele mesmo que fez errado e publicou. Agora fica se fazendo de vítima! Inacreditável! Típico dos esquerdistas que fazem errado e querem culpar os outros. Como já diz a frase de Lênin: “Acuse os adversários do que faz, chame-os do que você é”. Aprenda a fazer xixi no banheiro ou use fraldas.

 

Eu não saio mijando no patrimônio de ninguém. Esse idiota será processado e ainda vai responder por: ação de indenização, representação no conselho de classe (odontologia), violação dos deveres éticos do dentista, ação criminal por atentado violento ao pudor e depredação. O valor da indenização, assim que eu ganhar, será doado para a APAE de Lajeado (RS). Que fique o aprendizado para todos que pensarem em fazer o mesmo ou quiserem pichar nossos muros, tocar fogo na estátua e etc. Isso não é se manifestar é depredar e é crime! O povo ficou indignado com a ação. E agora você realizou seu sonho como disse na publicação? O que você achou do mimimi dele?”.


POR: SÉRGIO DE OLIVEIRA – O MUNICÍPIO

Participe de um dos nossos grupos no WhatsApp e receba diariamente as principais notícias do Portal da Educadora. É só clicar aqui.

PUBLICIDADE