04/09/2020 09h51 - Atualizado em 04/09/2020 09h53

Com Covid-19, Parrerito tem melhora mas segue na UTI

Cantor do Trio Parada Dura é diabético e faz parte do grupo de risco

PUBLICIDADE
Assistência Familiar Alto Vale
Fonte: Na Telinha (Foto: Reprodução/Instagram)

Fonte: Na Telinha (Foto: Reprodução/Instagram)

PUBLICIDADE
Delta Ativa

O cantor Parrerito, do Trio Parada Dura, continua internado na UTI em um hospital de Belo Horizonte, mas apresentou melhoras. O músico de 67 anos é diabético e foi internado na última segunda-feira (31) após ter um mal súbito. Ele foi diagnosticado com coronavírus.

 

O artista estava com 50% do pulmão comprometido, mas apresentou melhoras e já está com bons sinais vitais. Ele ainda não tem previsão de alta e continua usando respirador mecânico. O caso tem recebido muita atenção, porque Parrerito faz parte do grupo de risco.

 

Pelo Instagram, o Trio Parada Dura escreveu um novo comunicado aos fãs para explicar o estado de saúde do cantor e agradeceu o carinho de todos que estão torcendo pela melhora do integrante.

 

“O cantor Parrerito, do Trio Parada Dura, permanece internado na UTI do Hospital Unimed, em Belo Horizonte (MG), com quadro estável, sem intercorrências. Parrerito apresenta bons sinais vitais e o único suporte intensivo que ele ainda precisa é do respirador mecânico. Não há previsão de alta no momento. Familiares e a equipe Trio Parada Dura pedem a todos muita oração para vencermos essa batalha juntos com Parrerito”, diz o comunicado.

 

Sucesso do Trio Parada Dura

 

O Trio Parada Dura foi criado nos anos de 1970, mas fez muito sucesso com a música As Andorinhas, alcançando o primeiro lugar das rádios em 1985. O conjunto musical conquistou 11 discos de ouro e três de platina.

 

Parrerito se tornou integrante da banda apenas em 1982, quando seu irmão Barrerito (1942-1998) ficou paraplégico após sofrer um acidente aéreo grave. O trio teve muitas mudanças ao longo dos últimos anos e a formação atual conta com Creone, Xonadão e o cantor internado.

 

 Participe de um dos nossos grupos no WhatsApp e receba diariamente as principais notícias do Portal da Educadora. É só clicar aqui.

PUBLICIDADE