16/02/2017 17h11 - Atualizado em 16/02/2017 16h54

Santa Catarina deve ter preço do gás natural igualitário

Hobus vai acompanhar o processo, que deve entrar em operação em breve

PUBLICIDADE
Assessoria de Imprensa

Assessoria de Imprensa

PUBLICIDADE
Delta Ativa

Durante pronunciamento na Assembleia Legislativa de Santa Catarina – Alesc, o Deputado Estadual, Milton Hobus (PSD) confirmou que o governo do Estado deve equalizar o preço do gás natural para cidades que possuem abastecimento via tubulação e através de caminhões.

 

A decisão foi do governador, Raimundo Colombo, após um pedido do Deputado. A proposta foi apresentada na SC Gás e aprovada essa semana, pelo órgão regulador. Segundo Milton Hobus, com essa equiparação de valores, as empresas que estão em cidade sem abastecimento por tubulação, poderão ser mais competitivas. “Uma cerâmica de Agrolândia por exemplo, não consegue competir com uma empresa do Médio Vale, por exemplo e isso dificulta o crescimento”, ressaltou.

 

Hobus vai acompanhar o processo, que deve entrar em operação em breve. A iniciativa do parlamentar permite uma paridade no mercado industrial, que hoje utiliza o gás natural como fonte de energia. Seja no Norte, Sul, Litoral ou Oeste do Estado.

PUBLICIDADE