11/01/2017 13h30 - Atualizado em 11/01/2017 11h43

Recuperação das estradas em Vitor Meireles só em fevereiro

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Delta Ativa

A população de Vitor Meireles vai ter que aguardar até na primeira quinzena de fevereiro pela recuperação dos 800 quilômetros de estradas. O motivo principal, de acordo com o prefeito Bento Francisco Silvy (PP), é que de um total de 190 servidores apenas 12 estão trabalhando, com os demais retornando no próximo dia 31. Para agravar ainda mais a situação, a licença ambiental para a exploração das cascalheiras (local onde é retirado material usado no revestimento das estradas) está vencida.

 

O prefeito ressaltou que os dois funcionários que estão trabalhando na oficina farão inicialmente a revisão dos veículos que fazem o transporte escolar. “Depois será a vez da frota da Secretaria de Obras”. Silvy disse que esse processo poderia ter agilizado, caso durante o processo de transição, houvesse uma negociação sobre o cronograma das férias. “No primeiro momento serão os ônibus porque o ano letivo começa no dia 12 de fevereiro e depois os caminhões e equipamentos”. 

 

Para retirar cascalho, a prefeitura tem de fazer o cadastramento no Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM), elaboração do plano de lavra para requerimento da área, entre outras exigências. O prefeito adiantou que terá que contratar uma empresa especializada na área. Ele não soube precisar o tempo que o DNPM leva para emitir a autorização. “É mais uma despesa que não estava prevista no início de mandato”, complementou.

 

 

Créditos: Orlando Pereira – Agência Leme

PUBLICIDADE