11/09/2019 14h55

Polícia Civil de Taió prende suspeitos por envolvimento no furto da Loja Nazário Celulares

Eles foram pegos em Araquari e Joinville

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Delta Ativa

A investigação, que durou cerca de 2 (dois) meses, resultou no cumprimento, no dia de ontem (10/9), de 3 mandados de busca e apreensão e 2 mandados de prisão temporária nas cidades de Joinville e Araquari.

 

O furto à Loja Nazário Celulares de Taió ocorreu na madrugada do dia 20 de junho de 2019, de onde os suspeitos levaram diversos aparelhos celulares.

 

A Polícia Civil recuperou parte desses aparelhos e prendeu dois suspeitos. As medidas foram cumpridas nas cidades de Araquari e Joinville e contou com o apoio da DIC de Rio do Sul e também da Polícia Civil de Araquari e Joinville.

 

Uma terceira pessoa ainda foi conduzida a Delegacia e responderá pelo crime de fraude processual, já que ela, durante as buscas, escondeu um dos celulares e posteriormente danificou o dispositivo, com vistas e evitar que a Polícia Civil tivesse acesso ao conteúdo do smartphone.

PUBLICIDADE