15/07/2019 16h59 - Atualizado em 16/07/2019 09h50

Novo equipamento de hemodinâmica é adquirido pelo Hospital Regional de Rio do Sul

O valor investido foi de US$ 385 mil dólares, o que equivale a aproximadamente R$ 1,5 milhão

PUBLICIDADE
Orlando Pereira - texto e foto

Orlando Pereira - texto e foto

PUBLICIDADE
Delta Ativa

A Fundação de Saúde do Alto Vale do Itajaí, entidade gestora do Hospital Regional de Rio do Sul, adquiriu um moderno equipamento de hemodinâmica. O anúncio foi feito pelo presidente da instituição, Giovani Nascimento, durante a assembleia geral da Ucavi (União de Câmaras e Vereadores do Alto Vale do Itajaí), realizada no sábado (14) em Rio do Oeste. O investimento é de US$ 385 mil dólares, o que equivalente a cerca de R$ 1,5 milhão, no câmbio de sexta-feira. A expectativa é que o aparelho chegue dentro de aproximadamente 60 dias em razão das questões burocráticas na alfândega.

 

Nascimento ressaltou que o montante utilizado na compra é exclusivamente do caixa da Fusavi. Ele disso que isso é resultado na gestão dos últimos 10 anos. “Chegamos ao ponto de ter R$ 17 milhões de débito com fornecedores e em determinado dia R$ 1 milhão de títulos protestados em cartório”. O presidente colocou que atualmente as finanças estão em dia e isso permitiu o investimento para a compra do aparelho. “Mas nem por isso se pode desprezar o auxílio da comunidade, na gestão do hospital, que pertence ao Alto Vale, através das entidades instituidoras e os frutos que estamos colhendo hoje se deve a cada membro da diretoria ou conselho curador que por aqui já passaram ou aos atuais, que estão cumprindo seu papel voluntário”.

 

O equipamento, da marca Phillips, modelo Azurion F15, serve para identificar obstruções das artérias coronárias ou avaliar o funcionamento das válvulas e do músculo cardíaco, com a finalidade de diagnosticar a possibilidade de infarto agudo do miocárdio, ou determinar a exata localização da obstrução que está causando.

PUBLICIDADE