14/03/2019 16h12 - Atualizado em 14/03/2019 16h14

Lombadas da BR-470 são removidas por tempo indeterminado

Você concorda com essa ação? Vote aqui

PUBLICIDADE
Por: Jornal O Município

Por: Jornal O Município

PUBLICIDADE
Delta Ativa

As lombadas eletrônicas situadas em toda a extensão da BR-470 estão sendo removidas. O contrato nacional com a empresa licitada venceu neste ano. As máquinas foram removidas durante a terça e quarta-feira, 14, e chamaram a atenção dos motoristas que passaram pela rodovia nacional.

 

Entretanto, a remoção não representa o fim da fiscalização. O Dnit já está trabalhando em uma nova licitação para reimplantar um sistema mais moderno. De acordo com o engenheiro do Departamento, João Vieira, as novas lombadas serão mais bem acabadas e de melhor qualidade.

 

 

Opinião do presidente

Em uma transmissão ao vivo do Facebook feita na semana passada, o presidente Jair Bolsonaro (PSL) se pronunciou contra a instalação de novas lombadas eletrônicas no país. Segundo ele, a quantidade de barreiras é grande demais e o objetivo não seria diminuir acidentes.

 

Na opinião do presidente, antes do início de seu mandato, o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) estava agindo por interesse de políticos e o grande número de lombadas eletrônicas estaria ligada à arrecadação de multas.

 

“Decisão nossa: não teremos mais nenhuma nova lombada eletrônica no Brasil. As que existem, quando forem perdendo a validade, não serão renovadas. […] Vale lembrar que o Dnit estava, até pouco tempo, na mão de partidos políticos. Isso acabou e esse departamento está, agora, voltado para trabalhar 100% em benefício dos condutores”, afirmou.

PUBLICIDADE

Uma resposta para Lombadas da BR-470 são removidas por tempo indeterminado

  1. Pedro Nogueira15 de março de 2019 às 09:49

    Perfeito!
    Acidentes se previnem com investimento em estradas, maior segurança nos carros educação. Desde o regime militar não se investe em novas estradas, a única coisa que os comunistas fizeram nestes últimos anos foi usar as péssimas condições das estradas para arrecadar dinheiro. Santa Catarina precisa de novas rodovias, novos acessos e investimento em melhora das condições das estradas.
    Enfim, acabou a roubalheira. Parabéns ao presidente pela atitude.