03/07/2019 16h59 - Atualizado em 03/07/2019 16h05

Cuidados com animais no inverno devem ser redobrados

Roupas e cobertores ajudam a manter animais aquecidos

PUBLICIDADE
Engeplus

Engeplus

PUBLICIDADE
Delta Ativa

As temperaturas seguem diminuindo na região Sul de Santa Catarina. Nesta quarta-feira, dia 3, de acordo com a Epagri/Ciram a máxima será de 15ºC. Com a chegada do frio, os cuidados com os animais precisam ser redobrados. 

 

A presidente da SOS Vira-Lata, Georgia Feltrin Rosa lembra que muitos cuidados com os animais são simples. “Em caso de animais de rua, as pessoas podem por uma caixa de papelão, uma bacia funda com um cobertor ou até mesmo a casinha de madeira. Aconselhamos algo simples que dê para trocar e que não terá um custo elevado. Já para animais de casa é preciso que o dono observe onde o bicho está dormindo, se a casinha não está molhada, que o animal não esteja acorrentado com pouco espaço”, explica. 

 

Georgia afirma que a conscientização para as pessoas é também em relação ao animal que vive dentro de casa. “É preciso conhecer seu bicho. Saber se ele está sentindo frio, fome ou sede. Os cuidados com os animais é o ano inteiro, mas em cada estação tem uma necessidade diferente”, comenta. “Às vezes o animal tem uma casinha, mas chove dentro ou ele fica acorrentado com uma corda de um metro e isso também é preciso ser revisto”, acrescenta. 

 

A presidente da SOS Vira-Lata ressalta a importância dos animais e que eles precisam de mais atenção. “Muita gente enxerga o animal como um objeto e não liga se ele está passando frio ou fome. Queremos mudar essa visibilidade das pessoas”, afirma. “Roupas e cobertores ajudam a manter animais aquecidos e isso é importante”, finaliza. 

PUBLICIDADE