11/09/2019 14h29

Arcanjo é chamado para transportar órgão após grave incêndio na BR-101

Em decorrência da obstrução da BR-101, o órgão não chegaria ao seu destino

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Delta Ativa

Arcanjo-03, por volta das 12h50, foi acionado para transporte de fígado. O fígado estava sendo transportado via terrestre de Florianópolis para Blumenau, sendo que o transporte foi interrompido em decorrência de grave acidente entre caminhões sob a BR-101, próximo à PRF de Itapema.

 

Em decorrência da obstrução da BR-101, o órgão não chegaria ao seu destino, dessa forma, a equipe do Arcanjo, partindo de Blumenau, foi acionado para suporte aéreo, levando cerca de 27 minutos para a missão completa, ou seja, tempo menor que se fosse via terrestre, mesmo sem aguardar a liberação da BR, a qual não há previsão para liberação até o momento.

 

Os órgãos fora do corpo possuem uma vida útil reduzida, sendo que o transplante deve ser realizado o quanto antes, a fim de reduzir o risco de rejeição. O fígado em especial é um órgão sensível e deve ser transplantado o quanto antes. Caso não fosse possível o suporte aéreo do Arcanjo, possivelmente o órgão seria descartado, inviabilizando o transplante.

 

 

 

 

 

MAIS INFORMAÇÕES SOBRE O ACIDENTE

BR-101, em Itapema, está interditada na tarde desta quarta-feira (11) após dois caminhões colidirem. Apenas uma das pistas do sentido Sul foi liberada no início da tarde para a passagem de carros. Também não há marginal livre. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), um dos veículos pegou fogo e chegou a interditar totalmente a rodovia.

 

O acidente ocorreu por volta de 12h15, no km 145, no sentido norte da rodovia, na comunidade conhecida como Morro da Calota. Foi uma colisão traseira. Até às 13h45, havia bastante congestionamento na região, informou a polícia.

 

 

Caminhão pega fogo na região do Morro da Calota, na BR-101, em Itapema — Foto: Divulgação/ PRFCaminhão pega fogo na região do Morro da Calota, na BR-101, em Itapema — Foto: Divulgação/ PRF

Caminhão pega fogo na região do Morro da Calota, na BR-101, em Itapema — Foto: Divulgação/ PRF

 

Um dos veículos carregava uma carga de madeira e com a colisão, começou a pegar fogo. O outro caminhão ainda não foi atingido pelas chamas. Mas segundo os agentes da PRF, corre o risco de pegar fogo: ele carrega uma carga de carvão vegetal.

 

Segundo a PRF, os motoristas de ambos os caminhões saíram antes do incêndio começar. Um deles sofreu lesões leves e outro saiu ileso. Ainda não há previsão de liberação da rodovia.

PUBLICIDADE