19/06/2019 16h35 - Atualizado em 19/06/2019 14h22

Zagueiro chileno Lichnovsky diz não ter sido procurado pelo Flamengo

Aos 25 anos, defensor do time mexicano entra no radar do Rubro-Negro

PUBLICIDADE
Globo Esporte

Globo Esporte

PUBLICIDADE
Delta Ativa

O zagueiro Igor Lichnovsky foi um dos dois atletas da seleção do Chile a conceder entrevista coletiva nesta quarta-feira, em Salvador, palco do jogo contra o Equador, na sexta-feira, pela segunda rodada do Grupo C da Copa América. Reserva no time de Reinaldo Rueda, o atleta do mexicano Cruz Azul recentemente entrou no radar do Flamengo. Ele negou ter sido procurado pelo clube brasileiro.

 

– A respeito disso, até o momento sou jogador do Cruz Azul. Não recebi nenhum contato – garantiu o atleta de 25 anos.

 

A direção rubro-negra deseja contratar um defensor para ser companheiro de Rodrigo Caio. Gil, ex-Corinthians, foi procurado, mas os valores pedidos pelo chinês Shandong Luneng foram inviáveis. Bruno Viana, do Sporting Braga, de Portugal, também foi especulado.

 

 

Sobre a partida da próxima sexta, Igor Lichnovsky defendeu a tese de que os resultados da primeira rodada não irão balizar o confronto: enquanto o Chile venceu o Japão por 4 a 0, o Equador perdeu do mesmo placar do Uruguai.

 

– Não mudamos de pensamento por ter ganho o primeiro jogo. Ainda falta para a gente alcançar o nosso objetivo aqui no Brasil. Todos os jogos são diferentes, e o time deles é rápido e tem qualidade.

 

O Chile treinará, nesta tarde, com portões fechados, no Estádio de Pituaçu.

PUBLICIDADE