19/04/2018 13h15 - Atualizado em 19/04/2018 11h11

‘Vermelho de raiva’: jornal argentino destaca erro a favor do Corinthians, mas elogia ‘rival de tal envergadura’

PUBLICIDADE

ESPN

ESPN

PUBLICIDADE

Delta Ativa

A vitória do Corinthians, por 1 a 0, sobre o Independiente pela Copa Libertadores foi destaque no site do jornal “Olé” após o apito final. O principal diário esportivo argentino, contudo, enfatizou, principalmente, o erro da arbitragem que favoreceu a equipe brasileira.

 

Aos 40 minutos, quando o Corinthians já vencia por 1 a 0, Maximiliano Meza bateu de fora da área e Silvio Romero desviou para o gol. Quatro jogadores do Independiente, é verdade, estavam impedidos, mas o autor do tento, único a participar da jogada, não.

 

“Vermelho de raiva” foi a manchete principal sobre o jogo do Olé, que descreveu o lance que acabou prejudicando o clube argentino da seguinte forma:

 

“Perto do final, o Independiente sofreu um erro do trio de arbitragem. Porque não validaram um gol de Silvio Romero por impedimento, mas o certo é que o atacante estava em posição legal e, os outros companheiros que estavam impedidos não interferiram na jogado. Mas o juiz e seu auxiliar não viram assim. Ai…”

 

Na análise do jogo, o diário viu o Independiente jogando bem principalmente no primeiro tempo, embora não tenha vencido Cássio. Ressaltando, ainda assim, que poderia ter empatado com o gol de Romero “perfeitamente legal”.

 

Arbitragem à parte, o Olé também exaltou o Corinthians. “Na Copa, os descuidos, e contra um rival de tal envergadura, são fatais.”

PUBLICIDADE