20/04/2017 11h25 - Atualizado em 20/04/2017 11h26

Neto Volpi se envolve em briga com o presidente do Inter de Lages

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Delta Ativa

Inter de Lages e Neto Volpi voltaram a ser assunto fora dos campos. No início da madrugada desta quinta-feira, o goleiro se envolveu em uma briga com o presidente do clube, Cristopher Nunes, em um hotel na Serra catarinense, onde a equipe hospeda os jogadores. Segundo relatório da Polícia Militar da cidade, o atleta e um outro funcionário do Leão Baio tiveram lesões leves e foram levados a um hospital – Neto passou a noite em observação e foi liberado durante a manhã.

 

O incidente começou porque na noite de quarta, Neto esteve em um bar  com James, Jefinho e Marquinhos. Quando a diretoria colorada soube, decidiu dispensar o quarteto por conduta antiprofissional. Ao retornar ao hotel onde fica hospedado, o goleiro teve um desentendimento com o presidente do Inter de Lages.

 

No relatório da PM, Cristopher Nunes alega ter sido ameaçado de morte por Neto. O presidente ainda afirma que funcionários do Inter contiveram o goleiro para que não partisse para a agressão.

 

A versão do jogador contida no material enviado à imprensa diz que Cristopher o agrediu com um taco de sinuca e que os outros colaboradores do clube também o atingiram. Nenhuma das partes envolvidas quis falar sobre o assunto. Neto registrou um boletim de ocorrência alegando lesão corporal e irá realizar um exame de corpo de delito.

 

Há menos de um mês, Neto Volpi e Inter de Lages estiveram envolvidos em outra notícia de teor policial. O goleiro registrou um boletim de ocorrência após ser aliciado para receber R$ 15 mil e sofrer dois gols contra o Joinville. Ao lado de Cristopher, o atleta denunciou o caso.

 

O Inter de Lages transferiu o treinamento da manhã desta quinta-feira para o período da tarde e tenta voltar as atenções para o campo. Primeiro time fora da zona de rebaixamento do Catarinense, o Leão Baio entra em campo domingo, 16h, diante do Avaí, pela última rodada da competição estadual.

 

 

Globo Esporte

PUBLICIDADE