11/01/2018 16h40 - Atualizado em 11/01/2018 13h51

Manchester United oferece R$ 109 milhões e Mkhitaryan por Sánchez, diz jornal

Red Devils entram na briga com o City para comprar o chileno

PUBLICIDADE
Globo Esporte

Globo Esporte

PUBLICIDADE
Delta Ativa

De acordo com o jornal inglês “The Guardian”, o Manchester United entrou na briga com o Manchester City pela contratação de Alexis Sánchez. A publicação afirma que o time de José Mourinho ofereceu 25 milhões de libras (R$ 109 milhões) e o armênio Mkhitaryan como contrapeso para contar com os serviços do chileno.

 

No entanto, Sánchez já teria acertado termos salariais com o Manchester City, que ofereceu 20 milhões de libras pela compra (R$ 87,2 milhões), segundo informação do jornal – a proposta ainda está sem resposta do Arsenal. No entanto, o salário de 250 mil libras por semana (R$ 1,09 mi) seria suficiente para a ida aos Citizens.

 

 

Dérbi de Manchester não só nos gramados: United e City brigam para contratar Sánchez (Foto: REUTERS/Andrew Yates )Dérbi de Manchester não só nos gramados: United e City brigam para contratar Sánchez (Foto: REUTERS/Andrew Yates )

Dérbi de Manchester não só nos gramados: United e City brigam para contratar Sánchez (Foto: REUTERS/Andrew Yates )

 

Um dos possíveis impeditivos para a ida ao Manchester United, contudo, seria o alto salário de Mkhitaryan, que recebe 200 mil libras (R$ 872 mil) por semana nos Red Devils, valor que pode ser alto demais para o Arsenal. Além disso, Alexis Sánchez já foi treinado por Pep Guardiola no Barcelona, quando despontou como um dos grandes nomes do futebol europeu.

 

Desde julho de 2014 no Arsenal, Sánchez já declarou sua insatisfação com o patamar da equipe londrina e deixou clara a vontade de mudar de clube. O contrato do chileno com os Gunners vai até junho de 2018 e, caso a venda não seja feita, o time de Wenger pode ver o chileno sair sem custos ao término do vínculo.

 

Diante dessa situação e da insatisfação de Sánchez, Wenger já procura possíveis substitutos. Um deles é o brasileiro Malcom, do Bordeaux, que faz boa temporada. De acordo com a mídia inglesa, o time francês pede 50 milhões de euros (R$ 192 milhões) para liberar o jogador.

PUBLICIDADE