12/08/2019 16h35 - Atualizado em 12/08/2019 14h14

Inter encaminha a contratação do volante Bruno Silva, do Fluminense

Volante de 33 anos já rescindiu com o tricolor carioca e deve ser oficializado pelo clube gaúcho

PUBLICIDADE
Globo Esporte

Globo Esporte

PUBLICIDADE
Delta Ativa

Inter encaminhou a contratação de Bruno Silva, do Fluminense. Sonho antigo do clube gaúcho, o volante tinha contrato até o fim do ano com o tricolor carioca, mas já acertou a rescisão e deve se transferir para Porto Alegre. A informação foi divulgada pela Rádio Gaúcha e confirmada pelo GloboEsporte.com.

 

Bruno Silva disputou apenas quatro partidas no Brasileirão e pode defender outra equipe no campeonato – o prazo para inscrições vai até 27 de setembro. Também poderá ser inscrito nas quartas de final da Libertadores contra o Flamengo. No entanto, já entrou em campo na Copa do Brasil pelo Fluminense e não poderá ser usado no torneio.

 

 

Bruno Silva, do Fluminense — Foto: JORGE RODRIGUES / ESTADÃO CONTEÚDOBruno Silva, do Fluminense — Foto: JORGE RODRIGUES / ESTADÃO CONTEÚDO

Bruno Silva, do Fluminense — Foto: JORGE RODRIGUES / ESTADÃO CONTEÚDO

 

O volante de 33 anos é um jogador considerado polivalente, ao gosto do técnico Odair Hellmann. Não fica restrito às tarefas defensivas, costuma surgir como opção ao ataque e chega na área, em estilo de Edenilson.

 

Com o reforço, o Inter busca suprir algumas baixas recentes no elenco. Atualmente, o clube não conta com o capitão Rodrigo Dourado, com dores no joelho esquerdo. Já Rodrigo Lindoso torceu o tornozelo esquerdo contra o Nacional, pela Libertadores, enquanto Edenilson sofreu lesão muscular na vitória sobre o Cruzeiro, na Copa do Brasil, na última semana.

 

Caso o negócio seja confirmado, Bruno Silva cumpre um sonho antigo da atual direção. Em 2017, quando o volante ainda defendia o Botafogo, a direção colorada esteve perto de acertar com o jogador, que preferiu o Cruzeiro no ocasião. Depois, já no time mineiro, houve uma nova investida colorada, sem sucesso.

 

O volante teve início positivo no Flu, mas perdeu espaço com o técnico Fernando Diniz, desde que foi submetido a uma artroscopia no joelho direito em maio. A lesão do atleta ocorreu na vitória do Fluminense por 5 a 4 sobre o Grêmio, na Arena.

 

Mesmo recuperado, o jogador caiu na hierarquia do técnico e ficou em segundo plano nas Laranjeiras, tanto que é tratado como “negociável” pela direção. Na atual temporada, atuou em 23 partidas e anotou um gol.

 

O grande momento da carreira do jogador foi pelo Botafogo, entre 2016 e 2017, quando chegou a aparecer em uma pré-lista de Tite para a Seleção. Marcou nove gols em 59 jogos pelo time alvinegro. Contratado pelo Cruzeiro, acabou não tendo o mesmo destaque.

PUBLICIDADE