22/10/2019 14h00

Flamengo: Jesus deixa Rodinei com ‘missão Cebolinha’ caso Rafinha não seja titular

O atacante Berrio também tem chances de voltar

PUBLICIDADE
Extra

Extra

PUBLICIDADE
Delta Ativa

Já se sabe que o trio titular Filipe Luis, Rafinha e Arrascaeta será relacionado amanhã pelo Flamengo contra o Grêmio, mas a forma como cada um poderá participar do jogo decisivo pela semifinal da Libertadores depende dos últimos treinamentos e avaliações.

 

A principal dúvida é se o meia uruguaio tem chance de iniciar a partida. Apesar de ter intensificado as etapas de recuperação nos últimos dias, há cautela para utilizar o jogador, que fez uma cirurgia no joelho esquerdo após lesão grave há menos de três semanas. Ontem, Arrascaeta treinou com bola.

 

Mas caso se confirme a provável ausência entre os titulares, Vitinho é o favorito para a vaga. O meia Diego, que retornou à relação no Fla-Flu de domingo, ficaria como opção, assim como Reinier.

 

O lateral direito Rafinha tem situação mais favorável, mas será avaliado hoje pelo médico que operou a fratura na face. Além de fazer a retirada de pontos, Augusto César vai colher um retorno do atleta sobre a utilização de um capacete de proteção, testado no treinamento de ontem no Ninho do Urubu.

 

O técnico Jorge Jesus já preparou o lateral Rodinei para a função caso Rafinha tenha restrições. Sobretudo pois o atacante Everton Cebolinha é quem joga por aquele lado. Do lado esquerdo, o Flamengo não terá problemas em utilizar Filipe Luis de início. O jogador atuou contra o Fluminense em bom nível e atestou presença na semifinal.

 

O atacante Berrio também tem chances de voltar.

PUBLICIDADE