25/10/2019 10h18 - Atualizado em 25/10/2019 10h19

Em má fase no Fluminense, Ganso pode ser barrado

Ele tem sido muito questionado pela torcida do Fluminense atualmente

PUBLICIDADE
Extra

Extra

PUBLICIDADE
Delta Ativa

A má fase de Paulo Henrique Ganso no Fluminense encontrou eco em Marcão. Nesta quinta-feira, ele comandou treino no CT Castilho e o camisa 10 foi escalado no time reserva. Marcos Paulo ganhou uma chance entre os titulares e pode ser a novidade para a partida de amanhã, contra a Chapecoense, às 19h30, no Maracanã, pelo Campeonato Brasileiro.

 

Caso confirmada, será uma mudança dois em um: além de promover a entrada do garoto de 18 anos, a saída de Ganso permitirá que Nenê seja escalado mais recuado, como um armador, posição que o consagrou no futebol.

 

Não é de agora que o desempenho de Ganso vem sendo questionado. A torcida, principalmente, já perdeu a paciência com o camisa 10 e as vaias ao jogador já foram ouvidas no Maracanã em mais de uma ocasião.

 

Desde que bateu de frente com Oswaldo de Oliveira e acabou colaborando para a demissão do técnico que Ganso tem chamado mais a atenção pelo que faz sem a bola nos pés. Contratado para ser o principal nome do elenco, sente a cobrança por atuações melhores.

 

O Fluminense tenta mudar para vencer a partida, considerada chave para o Tricolor na luta contra o rebaixamento. Em casa, diante de um adversário que está em penúltimo na tabela, o time deseja ampliar a vantagem para o Z4 — atualmente de apenas um ponto.

PUBLICIDADE