12/10/2017 09h08 - Atualizado em 12/10/2017 09h09

Adriano Imperador conta motivo do sumiço da Inter: ‘Pude viver aquilo que eu era’

No 'Conversa com Bial', jogador vai às lágrimas

PUBLICIDADE
GShow

GShow

PUBLICIDADE
Delta Ativa

Conversa com Bial desta quarta-feira, 11/10, é um bate-papo com o jogador de futebol Adriano, que ganhou o título de Imperador no mundo da bola e nele também virou manchete de dezenas de notícias do universo esportivo e de celebridades. Em uma conversa sincera com Pedro Bial, ele assume ter entrado em depressão, vai às lágrimas ao falar do pai e promete voltar aos gramados em 2018Confira! ⚽

 

Adriano Imperador anuncia retorno aos gramados em 2018 (Foto: Higor Gargiulo e Mariana Revoredo/Globo)Adriano Imperador anuncia retorno aos gramados em 2018 (Foto: Higor Gargiulo e Mariana Revoredo/Globo)

Adriano Imperador anuncia retorno aos gramados em 2018 (Foto: Higor Gargiulo e Mariana Revoredo/Globo)

 

Morte do pai

“Logo que meu pai morreu, eu tive aquele problema todo (…) Fiquei uns três meses muito mal. Tive auxílio, psicólogo, uma equipe para mim, mas era muito mais forte que eu. Logo depois eu preferi voltar ao Brasil e vim ao São Paulo em 2006.”

A real história do sumiço da Inter

“Não estava mais com a minha família perto, isso foi muito ruim, porque comecei a lembrar das coisas que eu não queria. Isso pesou demais. Por isso tem aquela história que eu fugi da Inter. (…) A história foi essa! Fui para a minha comunidade uma semana, fiquei com meu churrasco, pé descalço, pude viver aquilo que eu era.”

 

Peso de cuidar da família e traumas de criança

“Meu pai tomou um tiro na cabeça quando eu tinha 10 anos de idade. Graças a Deus ele não faleceu. Você ver seu pai deitado no chão, querendo ou não é muito forte para uma criança.”

 

Perda de amigos para o tráfico

“Difícil calcular, foram muitos e muitos, mas creio que uns 40 ou 50. E acontece isso até hoje. Infelizmente, eles escolheram essa vida e a gente fica triste por isso.”

 

Sua carreira de futebol está encerrada?

“Ainda não. Ano que vem, estou ajeitando para fazer um projeto, começar a treinar de novo e jogar.”

“Eu tive meus erros, falei isso bem aberto, tive um mar de erros. Faltar a fisioterapia, por exemplo”, falou Adriano sobre as operações que teve que passar ao longo da carreira.

 

Sobre a volta ao futebol em 2018 aos 36 anos

 “Tem que ter persistência, não é fácil. Se não der para mim, tudo bem. Quero mostrar que eu posso chegar no meu limite, e daí eu posso ver se estou apto para ir para um clube e tentar reconstruir de novo.”
 

Status do coração

“Tô solteiro, na pista!”

Conselho para o filho?

“Humildade, respeitar o próximo e que o mal não se trata com o mal”

Magoado com a imprensa e foto com traficante da Rocinha

 

“Querem me destruir de vez. Não estou jogando, não estou fazendo mal a ninguém. Tenho meus filhos, minha família. Não pensam que isso pode repercutir para mim e minha família? Infelizmente, comigo é assim. Não sei se eu vendo muito. Sou verdadeiro, eu falo mesmo. Não escondo nada da minha vida, sempre falei abertamente para todo mundo. Não entendo o porquê disso.”

 

Hábitos

“Eu bebo uísque, não todo dia, senão não estaria assim (exibe o shape em forma). Quando chega quarta ou quinta-feira eu começo. Domingo, eu dou uma descansada (risos).”

 

Adriano Imperador bate um papo sincero com Pedro Bial (Foto: Higor Gargiulo e Mariana Revoredo/Globo)Adriano Imperador bate um papo sincero com Pedro Bial (Foto: Higor Gargiulo e Mariana Revoredo/Globo)

Adriano Imperador bate um papo sincero com Pedro Bial (Foto: Higor Gargiulo e Mariana Revoredo/Globo)

 

Álcool atrapalhou?

“Sim, sobre isso eu nunca menti para ninguém.”

Namorada amarrada na árvore

“Isso não existe. Eu dei um miguézinho. Estou lá fazendo um churrasco, quem me chega… Mas não teve agressão, nada disso”

 

Ser chamado de Imperador até hoje

“Isso para o seu ego é muito bom. Você sabe que ultrapassou todas as barreiras”, apontou Bial.

Arrependimento

“As pessoas pensam que não, mas quando coloco a cabeça no travesseiro para deitar fico pensando que eu poderia ter feito muito mais do que aquilo que eu fiz. Mas a gente não escolhe a nossa vida, né? As coisas foram acontecendo. Eu realmente fico pensando, tenho consciência de tudo que fiz, tenho minha autocrítica, tento não pensar muito porque isso acaba me abalando também, acabo me cobrando.”

 

 

Declarações do Imperador também foram destaque na internet e ficaram entre os assuntos mais comentados do mundo

 

 (Foto: Reprodução) (Foto: Reprodução)

(Foto: Reprodução)

 

 (Foto: Reprodução) (Foto: Reprodução)

(Foto: Reprodução)

PUBLICIDADE