10/07/2019 09h48

Sogra usa vestido combinando com noiva em cerimônia: “Foi um choque”

A verdadeira noiva explicou o motivo

PUBLICIDADE
Yahoo!

Yahoo!

PUBLICIDADE
Delta Ativa

Quando Amy Pennza compartilhou sua história bizarra de um casamento desastroso no Twitter, ela acidentalmente fez sua sogra – que usou um vestido de noiva em seu casamento – viralizar na internet. Agora Pennza resolveu explicar porque a mulher usou o traje polêmico.

 

Amy, mãe de quatro filhos em Ohio, compartilhou uma foto dela e da mãe de seu amado em pé, lado a lado, no casamento da jovem. Ambas estavam com lindos vestidos brancos, a mulher mais velha usando um véu floral branco.

 

A imagem parece capturar duas noivas em seus grandes dias – exceto que apenas uma estava se casando.

 

A foto chamou a atenção e todo mundo parecia estar no time da Noiva. “Espero que você tenha pedido a uma dama de honra para brigar com ela”, escreveu um seguidor. “Isso é muito estranho”, disse outra pessoa. “Ela é real??”

 

O Twitter implorou por mais informações e, alguns dias depois, Pennza contou mais, com anedotas para ilustrar a razão por trás do vestido de sua sogra.

 

Ver imagem no Twitter
 
 
 

Minha sogra usou um vestido de noiva para o meu casamento. Então, sim, tente superar essa, Twitter. #DesastresdoCasamento

 

“Eu não sabia o que minha sogra planejava usar”, contou Pennza. “Eu nem pensei em perguntar.” Mas quando a mulher chegou, a jovem chegou a gaguejar: “Você … você poderia ser a noiva”. Enquanto isso, os entes queridos de Pennza tentaram distraí-la de se concentrar no vestido da sogra.

 

“Fico feliz em relatar que o casamento prosseguiu sem derramamento de sangue, ou sem alguém sendo empurrado contra a torre de champanhe”, twittou Pennza.

 

E eis a razão: a sogra não estava tentando chamar a atenção – ela apenas conseguiu um desconto muito, muito bom. E porque ela cresceu em “extrema pobreza” e chegou a comer fósforos, devido ao que Pennza descreve como um transtorno alimentar chamado ‘pica’ (ou alotriofagia, desejo por coisas estranhas), o vestido se tornou irresistível.

 
 

Na manhã do casamento, todas as mulheres da festa se reuniram numa pequena sala da igreja. Você sabe, brilho corporal e spray de cabelo para todos os lugares. Quinze camadas de rímel. Guardanapos embaixo das axilas para você não suar no seu vestido.

 
 

Ela entra. Eu vejo.

 
 

Não me lembro muito daquele dia. A maioria das pessoas diz que o dia do casamento é como um borrão na memória, e isso é verdade no meu caso também. Mas eu sei que eu disse isso: “Você … Você poderia ser a noiva …”

 
 

Mais tarde, minha irmã (dama de honra) disse que ela não me puxou para um canto para falar sobre isso porque esperava que eu estivesse distraída demais para perceber. Minha colega de quarto da época da faculdade (também dama de honra) disse a mesma coisa. 

 
 

Fico feliz em relatar que o casamento prosseguiu sem derramamento de sangue, ou sem alguém sendo empurrado contra a torre de champanhe.

 

“Ela sempre procura por uma pechincha e é mão-fechada”, escreveu Pennza. “Por exemplo, ela tira as azeitonas e aipo do Bloody Mary e os guarda para fazer salada depois… uma vez ela caminhou casualmente até a mesa onde eu estava comendo um sanduíche e colocou os restos em um saquinho porque ‘alguém vai comer.'”

 

Pennza acrescentou: “Quando Sally Jesse Raphael era popular, minha sogra não tinha dinheiro para comprar óculos vermelhos, então pintou os que ela tinha com esmalte vermelho.”

 
 

É o seguinte: Minha sogra é extremamente frugal. E eu não quero dizer que ela apenas gosta de um bom negócio. Para entendê-la, você precisa saber a história dela.

 
 

Ela cresceu em extrema pobreza. Quando criança, ela costumava ir escondida até a cozinha e comer cabeças de fósforo. Isso é um desejo por conta do transtorno ‘pica’, e as crianças fazem isso quando estão desnutridas.

 
 

Quando você cresce sem nada, isso deixa uma marca. Para sempre, eu acho. Não importa quanto dinheiro você ganhe, sempre há um pouco de medo lá no fundo da sua mente de que alguém possa levar tudo.

 

Amy diz que sua sogra se sente “péssima” por ter usado o vestido branco, mas ainda segue procurando maneiras de lucrar. “… Ela também me disse: ‘Acho que ainda tenho o vestido. Nós deveríamos fazer uma rifa com ele.’”

 

Felizmente, a mulher não se incomodou por ter sido exposta pela nora. “… Quando contei a ela sobre a história estar recebendo muita atenção, e disse que estava preocupada que isso pudesse ferir seus sentimentos, ela discordou. “Contanto que me torne famosa”, compartilhou Pennza.

 
 

Então, sim, o vestido de casamento foi um choque. Mas isso criou uma memória bem engraçada. Ninguém que estava no casamento esqueceu. E você tem que admitir: casamentos podem ser esquecíveis.

PUBLICIDADE