12/08/2017 08h43

Marcos Pereira ora por Michel Temer e pede que Deus o “livre de toda macumbaria”

"Dai-lhe saúde porque esse corpo é templo do Teu Espírito"

PUBLICIDADE
Gospel Mais

Gospel Mais

PUBLICIDADE
Delta Ativa

O pastor Marcos Pereira encontrou-se com o presidente Michel Temer (PMDB) e fez uma oração com imposição de mãos pedindo que Deus o dê saúde e afaste toda sorte de influência maligna sobre o chefe de Estado.

 

A visita do presidente ao Rio de Janeiro se deu para sua participação no Encontro Nacional de Comércio Exterior (Enaex), e na oportunidade, o líder da Igreja Assembleia de Deus dos Últimos Dias (ADUD) pediu a Deus que tocasse “o coração, a coluna, o rim, o intestino, o fígado”, entre outros órgãos de Michel Temer.

 

“Dai-lhe saúde porque esse corpo é templo do Teu Espírito. Eu coloquei minhas mãos pela autoridade de Jesus Cristo, aquele que vive e reina […] Tome em Suas mãos todos os seus ministros, tome em Suas mãos essa nação. Livra de toda macumbaria, feitiçaria, bruxaria, todo mal contra este homem”, orou o pastor.

 

Marcos Pereira da Silva ficou nacionalmente conhecido após ser acusado de estuprar fiéis da ADUD em 2013. Na época, áudios de conversas íntimas do pastor com mulheres que seriam suas amantes vazaram. Ele chegou a ser preso e condenado em primeira instância pela 2ª Vara Criminal de São João de Meriti a 15 anos de prisão pelo crime de atentado violento ao pudor.

 

O pastor da ADUD, no entanto, conseguiu um habeas corpus no Supremo Tribunal Federal (STF) após 19 meses de prisão, e foi liberado em dezembro de 2014.

 

De acordo com informações do jornalista Ernesto Neves, da coluna Radar Online na revista Veja, “quem apresentou o presidente Michel Temer ao pastor Marcos Pereira foi o deputado Francisco Floriano (DEM-RJ)”. O parlamentar conseguiu certa notoriedade no noticiário político tempos atrás por entrar aos berros no Palácio do Planalto queixando-se de “não conseguir indicar um protegido seu para cargo público”.

 

 
 

Orações

Essa não é a primeira vez que Marcos Pereira se encontra com autoridades eleitas do Poder Executivo e faz oração com imposição de mãos. Em novembro do ano passado, ele foi recebido pelo vice-governador do Rio de Janeiro, Francisco Dornelles (PP) e também orou pedindo bençãos.

 

Na ocasião, Dornelles era o governador em exercício do estado, já que Luiz Fernando Pezão (PMDB) estava de licença para o tratamento de um câncer.

 

No encontro entre Marcos Pereira e Francisco Dornelles, o pastor fez uma oração pedindo a Deus para “prolongar os dias” do vice-governador, que está com 81 anos de idade e ajudar o estado a sair da crise.

 

“Eu orando [pelo] governador do estado do Rio de Janeiro. E agora me encontro em sua cidade São João Del Rey fazendo um lindo trabalho nos presídios com meus irmãos”, escreveu o pastor à época, na legenda do vídeo no Instagram.

PUBLICIDADE