11/06/2019 16h10 - Atualizado em 11/06/2019 14h46

Asteroide 2006 QV89 tem uma chance de 1 em 7.000 de acertar a Terra em setembro

O asteroide foi descoberto em 29 de agosto de 2006 pela Catalina Sky Survey

PUBLICIDADE
HypeScience

HypeScience

PUBLICIDADE
Delta Ativa

Segundo a Agência Espacial Europeia (ESA), o asteroide 2006 QV89 vai passar pelo nosso planeta em 9 de setembro deste ano, e há uma chance de 1 em 7.000 de colidir com a Terra.

 

A rocha está em quarto lugar em uma lista da ESA de objetos espaciais que poderiam acertar nosso planeta.

 

Comparado com o asteroide de 10 quilômetros que matou os dinossauros cerca de 66 milhões de anos atrás, no entanto, o QV89 é fichinha: mede apenas 40 metros de diâmetro.

 

Chances baixas

A ESA está monitorando a rota do asteroide, mas é improvável que ele se incline para a Terra. A agência calcula que o objeto passe a cerca de 6,7 milhões de quilômetros do planeta. Para colocar isso em perspectiva, a lua está a 384.400 quilômetros de distância de nós. Dito isto, há uma chance de 1 em 7.299 que o 2006 QV89 atinja a Terra.

 

2006 QV89

Como o próprio nome sugere, o asteroide foi descoberto em 29 de agosto de 2006 pela Catalina Sky Survey, uma organização baseada em um observatório espacial perto de Tucson, Arizona, nos EUA.

 

A rocha espacial é uma visitante bastante frequente de nosso planeta. Após a passagem de 2019, espera-se que o asteroide sobrevoe a Terra novamente em 2032, 2045 e 2062. [LiveScience]

PUBLICIDADE